• (31) 3031-2330
  • arraes@arraeseditores.com.br
Digite o que você procura

Direito à Diversidade e o Estado Plurinacional

Dê Sua Opinião Sobre o Produto

Autor: José Luiz Quadros de Magalhães (Coordenador)

ISBN: 978-85-82380-01-7

Edição:

Ano: 2012

Número de páginas: 164

Tipo de acabamento: Brochura

Formato: 16x23

Disponível: Em estoque

Selo conselho

Preço

R$73,00

Cálculo de frete

 

Detalhes

O livro é produto de pesquisas, reflexões e debates de um grupo de professores que atuam nas áreas comuns de direitos humanos, direito internacional e constitucional em diálogo com outros campos do conhecimento como a história, a psicanálise, a filosofia, antropologia, economia e sociologia. O eixo central do estudo é o direito à diversidade, enquanto novo direito, que vai muito além de uma simples perspectiva do direito à diferença, seja como direito individual ou coletivo.

A premissa do livro é a compreensão da modernidade (os ultimos 500 anos) como um movimento uniformizador, padronizador e portanto, sistematicamente negador da diversidade e gerador de uma diferenciação excludente. Assim, a conquista gradual do reconhecimento da diversidade enquanto direito individual e agora, com as experiências do estado plurinacional na Bolivia e Equador, enquanto direito coletivo, representa o inicio de uma ruptura radical com este direito moderno uniformizador e excludente em direção à construção de uma nova sociedade plural e democratica.

Queremos saber sua opinião

Produto: Direito à Diversidade e o Estado Plurinacional

Como você avalia este produto? *

  1 estrela 2 estrelas 3 estrelas 4 estrelas 5 estrelas
Qualidade

Informação Adicional

Subtítulo Não
ISBN 978-85-82380-01-7
Autor José Luiz Quadros de Magalhães (Coordenador)
Edição
Ano 2012
Número de páginas 164
Tipo de acabamento Brochura

Lorem Ipsum is simply dummy text of the printing and typesetting industry. Lorem Ipsum has been the industry's standard dummy text ever since the 1500s, when an unknown printer took a galley of type and scrambled it to make a type specimen book. It has survived not only five centuries, but also the leap into electronic typesetting, remaining essentially unchanged. It was popularised in the 1960s with the release of Letraset sheets containing Lorem Ipsum passages, and more recently with desktop publishing software like Aldus PageMaker including versions of Lorem Ipsum.

Mind